Welcome, Guest. Please login or register.

Author Topic: Carta ao Presidente da República  (Read 1229 times)

0 Members and 1 Guest are viewing this topic.

Offline JuliRosi

  • Veteran Member
  • *****
  • Posts: 622
Carta ao Presidente da República
« on: December 27, 2009, 04:52:35 PM »
"Excelentíssimo Senhor Presidente da República,
 
É do conhecimento de todos o desenrolar do caso "Sean Goldman", e na condição de defensores da "igualdade parental", pedimos licença para firmar posição frente à questão.
Nos últimos dias, a Sra. Silvana Bianchi, avó materna do pequeno Sean, publicou carta aberta no sentido de sensibilizar Vossa Excelência e a opinião pública, pedindo pela manutenção da criança em solo brasileiro, sob os cuidados de sua família.
Queremos enfatizar nossa solidariedade com a situação de angústia desta senhora, visto que a perda prematura de sua filha já lhe infligiu demasiado sofrimento. Contudo, é muito comum que avós maternas, principalmente em casos de pais separados, se arvorem do direito de criar os netos. No entanto, tal atitude impõe pesado ônus para a criança, com graves reflexos de ordem psicológica.
Além disso, não se pode esquecer que, na outra ponta da história, existe o inalienável direito da criança de ter contato com a família paterna, bem como o pai, que legitimamente pretende criar seu filho, de cuja convivência foi suprimida em condições notoriamente desleais. De lá para cá, passaram-se cinco anos... Tempo de ausência, que não se compensa, não se repara.
Mais do que simplesmente aplicar a Justiça da letra fria da lei, o caso restabelece uma condição da Natureza, onde se devolve a um pai o sagrado direito de construir, dia após dia, o crescimento digno, e emocionalmente estável, de seu filho. Em qualquer lugar do mundo – independentemente das convenções internacionais – assim é, e assim sempre será.
Mesmo permeado de tantas agruras, o caso serve para lançar luzes sobre uma dinâmica pouco conhecida e discutida, porém de reflexos devastadores: a provocação desleal do afastamento dos filhos do não-guardião, nos casos de separação do casal; noutras palavras, a instalação da alienação parental; cujas repercussões psicológicas afetam sobremaneira a criança, o genitor não-guardião, e sua família. Não por acaso, tramita no Congresso Nacional uma proposta de alteração da lei civil (Projeto de Lei n. 4053/08) que, em resumo, pretende coibir esta prática covarde e destrutiva.
Sendo assim, Senhor Presidente, a par de reverenciarmos a sapiência da decisão do Supremo Tribunal Federal em devolver o pequeno Sean a seu pai, bem como em nos solidarizarmos com a situação da Sra. Silvana Bianchi, clamamos no sentido de que Vossa Excelência envide esforços, ao alcance de sua função, para que a igualdade parental seja assegurada e consolidada, em definitivo em nosso país, o que seguramente promoverá maior bem-estar para a instituição familiar e melhores condições para que seja construída uma sociedade mais justa e sadia.
Com nossos cumprimentos, subscrevemo-nos,
Atenciosamente,
APASE  ,  ParticiPais,  MAAP, PAI LEGAL,  SOS PAPAI

Offline JuliRosi

  • Veteran Member
  • *****
  • Posts: 622
Re: Carta ao Presidente da República
« Reply #1 on: December 27, 2009, 04:54:11 PM »
Achei a carta dessas entidades resume bem o que acontece com o genitor que sofre a alienação parental! Vale a pena ler!

Offline Celita

  • Full Member
  • ***
  • Posts: 210
Re: Carta ao Presidente da República
« Reply #2 on: January 03, 2010, 11:30:16 PM »
Muito boa a carta!

Offline ProudDaddy

  • Sr. Member
  • ****
  • Posts: 258
Re: Carta ao Presidente da República
« Reply #3 on: January 04, 2010, 06:50:31 AM »
Quote from: Bindlerkids;63483
Excellente ele disse algo que e muito  real _ "cinco anos que nao se reparara" Hoje tenho meu filho Sam comigo a ultima vez que tive a oportunidade de abracar  Sam foi em 2005 _ o mesmo que completou 18 anos correu com uma ligacao para mim -"Mae eu nao preciso mais assinatura do Pai posso viajar sozinho"  o momento chegou com muita felicidade mas ao mesmo tempo com muita tristeza porque eu perdi e Sam perdeu e tambem o Pai dele perdeu cinco anos  . Sam hoje tem estudo, tem trabalho e ele tem um Pai e uma Mae _ Pai morando no Brazil que Sam tem a oportunidade de ve-lo o momento que ele deseja e sim tem uma Mae morando nos estados unidos.  Concluindo a alienacao parental e algo muito grave em minha situacao com Sam eu tenho que ter muita paciencia todo dia eu sinto que e uma vitoria tipo desfazer o feitico e sim mostrar para Sam que existe luz apos uma tempestade.....essa e minha missao com meu Sam_

Essa tambem e minha missao em trazer Nicole, Martin e Monique e Sam esta comigo nessa batalha imensa.
Obrigado por esse thread me deu a chance de me expressar em portugues.
Antes de tudo parabéns por ter o seu filho consigo - antes tarde do que nunca! Você perdeu 5 anos, que nunca serão restaurados - mas tem outros 500 pela frente, então aproveite!

Se me permite o comentário, o seu português escrito parece ter uma espécie de "sotaque"... Espero que seu português falado não tenha aquele sotaque estilo "Mangabeira Unger" ... :D

Offline Grace

  • Global Moderator
  • Veteran Member
  • *
  • Posts: 1981
Re: Carta ao Presidente da República
« Reply #4 on: January 04, 2010, 07:21:21 AM »
Dirlene deve ter pouco contato com o português? Eu estou há 12 anos nos EUA (e tinha morado mais 5 quando criança) e não sinto grandes diferenças no meu português. E olha que só falo inglês em casa e no trabalho. Nem tenho rede Globo em casa :)

Offline Grace

  • Global Moderator
  • Veteran Member
  • *
  • Posts: 1981
Re: Carta ao Presidente da República
« Reply #5 on: January 04, 2010, 08:21:03 AM »
Dirlene, você tem uma ideia de quantas mães brasileiras perderam seus filhos por pais vingativos? Ou mesmo mães americanas? Como mae, nem imagino a dor.

Offline Martin

  • Left Behind Parent
  • Full Member
  • *****
  • Posts: 95
Re: Carta ao Presidente da República
« Reply #6 on: January 05, 2010, 12:52:19 AM »
Parabens Dirlene...que resultado legal. Os anos foram perdidos mas voce saiu do outro lado dessa trauma uma mulher mais forte por causa disso.
 
Acho que seja mae ou seja pai todos esses casos de rapto/sequestro tem uma coisa em comum...o poder social e financeira. O seu marido tem poder financeira e uma rede forte de conexoes no Brasil - a minha mulher tem papai e mamae rica (a sogra e advogada tambem) e conexoes com a justica. Porem isso e so a superficie...o que fica embaixo e uma expressao envenenada de vinganca e ressentimento no qual um dos pais esta prestes a usar a crianca como arma contra o outro. Ao ouvir que eu estava na cadeia em Guarulhos sob a acusacao de nao ter pago p.a., por exemplo, a minha ex-esposa disse, "ele nunca vai ver a Rebeca. Espero que eles o mandem de volta a Inglaterra sem as roupas nas costas," e nem queria falar em dinheiro.
 
Quanto ao seu portugues, nem posso comentar...veja o meu!!! rsrsrs

Offline JuliRosi

  • Veteran Member
  • *****
  • Posts: 622
Re: Carta ao Presidente da República
« Reply #7 on: January 05, 2010, 02:03:01 AM »
martin,
A sua história e da Dirlene são terríveis. Que maldade estão fazendo com vocês! Espero que possam rever os seus filhos logo!
 
Não se preocupe, quanto ao português, vocês escrevem muito bem!